Jean Wyllys cospe em Jair Bolsonaro e corre

Jean Wyllys cuspiu em Jair Bolsonaro e corre. Sim, aconteceu na votação de impeachment. Jean Wyllys cospe em Bolsonaro e diz que faria de novo.  disse que realmente cuspiu em direção a seu colega Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e afirmou que faria de novo.

O deputado Jean Wyllys, eleito pelo PSOL do Rio de Janeiro, foi um daqueles que não votou de acordo com a maioria dos deputados na noite deste domingo, 17, quando a Câmara decidiu o futuro político da presidente Dilma Rousseff, votando se seu impeachment passaria ou não para o Senado. Após fazer um discurso inflamado, chamando os demais parlamentares de "canalhas", Jean, que venceu uma das edições do 'Big Brother Brasil', cuspiu em direção a um dos seus maiores rivais na política, o deputado Jair Bolsonaro, do PSC do Rio de Janeiro.

Jean Wyllys cospe em Jair Bolsonaro e imagem bomba na webEm entrevista a jornalistas que estavam no Plenário, ele confirmou a informação e que não teme ser processado por Bolsonaro.  "Eu cuspiria na cara dele quantas vezes eu quisesse",explicou ele após o episódio que foi flagrado por vários repórteres. De acordo com Jean, Bolsonaro, a quem ele se referiu como canalha teria o insultado depois que ele votou contra o impeachment da presidente Dilma. Wyllys revelou ainda que seu rival na política, chamado muitas vezes por ele de homofóbico, pegou pelo seu braço, mostrando assim uma suposta agressão. "Quando eu vi o insulto, eu devolvi com um cuspe na cara dele, que é o que ele merece", disse mais uma vez em tom inflamado o eleito pelo PSOL carioca.

Vídeo flagra Jean Wyllys cuspindo em Jair Bolsonaro



Jean Wyllys cuspindo|cospe em Jair Bolsonaro
Flagra de Jean Wyllys cuspindo em Jair Bolsonaro.


Carta de suicídio de Dilma Rousseff vaza na internet

A carta de suicídio: "Mais uma vez as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se e se desencadeiam sobre mim. Não me acusam, insultam; não me combatem, caluniam; e não me dão o direito de defesa. Precisam sufocar a minha voz e impedir a minha ação, para que eu não continue a defender, como sempre defendi, o povo e principalmente os humildes.


Dilma Rousseff e texto de suícidio de Getúlio VargasSigo o destino que me é imposto. Depois de decênios de domínio e espoliação dos grupos econômicos e financeiros internacionais, fi z-me chefe de uma revolução e venci. Iniciei o trabalho de libertação e instaurei o regime de liberdade social. Tive de renunciar. Voltei ao governo nos braços do povo. A campanha subterrânea dos grupos internacionais aliou-se à dos grupos nacionais revoltados contra o regime de garantia do trabalho. A lei de lucros extraordinários foi detida no Congresso. Contra a Justiça da revisão do salário mínimo se desencadearam os ódios. Quis criar a liberdade nacional na potencialização das nossas riquezas através da Petrobras, mal começa esta a funcionar a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero. Não querem que o povo seja independente. Assumi o governo dentro da espiral inflacionária que destruía os valores do trabalho. Os lucros das empresas estrangeiras alcançavam até 500% ao ano. Nas declarações de valores do que importávamos existiam fraudes constatadas de mais de 100 milhões de dólares por ano. Veio a crise do café, valorizou-se nosso principal produto. Tentamos defender seu preço e a resposta foi uma violenta pressão sobre a nossa economia a ponto de sermos obrigados a ceder. Tenho lutado mês a mês, dia a dia, hora a hora, resistindo a uma pressão constante, incessante, tudo suportando em silêncio, tudo esquecendo e renunciando a mim mesmo, para defender o povo que agora se queda desamparado. Nada mais vos posso dar a não ser o meu sangue. Se as aves de rapina querem o sangue de alguém, querem continuar sugando o povo brasileiro, eu ofereço em holocausto a minha vida.

Escolho este meio de estar sempre convosco. Quando vos humilharem, sentireis minha alma sofrendo ao vosso lado. Quando a fome bater à vossa porta, sentireis em vosso peito a energia para a luta por vós e vossos filhos. Quando vos vilipendiarem, sentireis no meu pensamento a força para a reação. Meu sacrifício vos manterá unidos e meu nome será a vossa bandeira de luta. Cada gota de meu sangue será uma chama imortal na vossa consciência e manterá a vibração sagrada para a resistência. Ao ódio respondo com perdão. E aos que pensam que me derrotam respondo com a minha vitória. Era escravo do povo e hoje me liberto para a vida eterna. Mas esse povo, de quem fui escravo, não mais será escravo de ninguém. Meu sacrifício ficará para sempre em sua alma e meu sangue terá o preço do seu resgate. Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história.

Segundo o Wikipedia e todos os livros de história, o texto acima é  de Getúlio Vargas e foi escrita antes de seu falecimento. A carta de suicídio após impeachment de Dilma Rousseff é falsa. Na verdade, esta é a carta de Getúlio Vargas e foi escrita antes de seu falecimento.

Filha sozinha no quarto com o namorado não presta e não dá certo!

Pai super preocupado,mas com a moça só casando.




Juliana Santos, mulher de Marquinhos, desabafa após morte da filha

Poucos dias após a morte da segunda filha, Anna Júlia, Juliana Alves Santos e Marquinhos têm se apoiado na fé para superar a perda. A mulher do assistente de palco do Domingo Show usou trecho da música Estou de Pé, de Rose Nascimento, para desabafar nas redes sociais.

"Vai lá pra quem pensou que eu estava caída, avisa que eu estou de pé. Vai até quem não acredita e avisa que estou de pé. Com minhas forças redobradas, porque quanto mais lutarem pra tentar me derrubar, o meu Deus me põe de pé", diz parte da letra.

Anna Júlia morreu na última quinta-feira, 7, em São Paulo, às vésperas de completar três meses de vida. Desde o seu nascimento, em 9 de janeiro, a bebê permaneceu internada na Unidade de Terapia Intensiva do hospital.

Juliana e Marquinhos, ambos anões, também tiveram um menino, Samuel, que morreu aos quatro meses de vida, em novembro de 2014.



Cláudia Rodrigues comemora recuperação e conta como foi encontrar com a morte

Cláudia Rodrigues comemora recuperação e conta como foi encontrar com a morte. Depois de quase morrer por duas vezes, ela está curada. Em meio aos brinquedos do playground do prédio em que mora, no Rio, Cláudia Rodrigues poderia facilmente ser confundida com uma criança. Não apenas pela baixa estatura, mas por esbanjar felicidade. Afinal, a humorista que fez – e faz – o Brasil gargalhar com personagens como a Marinete, da série A Diarista,  da Globo, está pertinho de anunciar que venceu a guerra contra a esclerose múltipla. Em 2000, após sentir um braço dormente, a atriz se descobriu portadora da doença degenerativa que afeta o sistema nervoso central.

Hoje, 16 anos depois, Cláudia, de 44, trava sua batalha final rumo à cura. Em janeiro, ela se submeteu a um tratamento com células-tronco no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. E fez um transplante de medula. Agora, três meses após o procedimento, vive uma rotina bem mais próxima do normal ao lado da amada filha, Isa Hieatt, de 13 anos, da união com Brent Hieatt. “Só não esperem me ver dando estrelinhas (piruetas) ainda”, brinca ela, que usa andador para se locomover com mais facilidade.



Sempre com extremo bom humor, Cláudia se recupera a toque de caixa. Ela surpreendeu os médicos ao mostrar, em tempo recorde, sinais significativos de que a doença, finalmente, está indo embora. “Pouco tempo depois do transplante, já estava fazendo piada e divertindo os enfermeiros”, relata, orgulhosa de si.

A jornada, no entanto, não foi fácil. Cláudia enfrentou a morte duas vezes – uma durante um surto da doença em 2015, quando precisou ser reanimada – e em uma crise de  depressão. No auge, chegou a pensar em suicídio, a exemplo do irmão, Márcio Rodrigues, falecido em 1991. Mas tudo foi superado, também em nome da fé (veja boxe a seguir). Em breve, para alegria geral, a comediante voltará à TV no humorístico Domésticas, disputado por três emissoras. Antes, em maio, estreará um programa na internet, resgatando antigas personagens, como Sirene (Sai de Baixo), Ofélia e Talia (Zorra Total) e a inédita radialista Sônia. ...


Veja o antes e depois de alguns Ex BBB's famosos

Veja o antes e depois de alguns Ex BBB's famosos: Os anos passaram e mudaram bastante aparência.Você se lembra como eles eram? Veja fotos de ex bbb's antes e depois.


Imagens de ex bbb antes e depois




















Ela pagou caro para se transformar na Jessica Rabbit humana

Ela pagou caro para se transformar na Jessica Rabbit humana mas deu merda. Gastou uma grana para ficar igual personagem de desenho animado e ficou desse jeito.Veja como ela ficou! Pelo menos aqui na minha terra querida, quando a mulherada pensa em mudar algo em seu corpo através de cirurgia plástica ela se baseia em pessoas famosas, celebridades. Mas essa ex gata doidinha não.

Se você aproveitou um pouco do final dos anos 1980 e início de 1990, provavelmente se lembrará do filme "Uma Cilada Para Roger Rabbit (1988)", e lembrará também da linda namorada do personagem-título, a Jessica Rabbit.

Pixee Fox - modelo que tirou costelas para ficar parecida com desenho animado


Lembrou? Agora, veja esse caso: a sueca Pixee Fox, ex bonita de apenas 25 anos gastou cerca de R$ 460 mil reais para se tornar a personagem da animação da Disney. Segundo ela, a princesa Aurora, de A Bela Adormecida, e Hollu Would, de O Mundo Proibido, também serviram de inspiração kkk


Pixee Fox antes e depois