Nasa paga para selecionados passarem 70 dias na cama

A Nasa está selecionando candidatos para passarem setenta dias seguidos deitados em uma cama inclinada para tentar compreender os efeitos da microgravidade no corpo humano. Candidatos aprovados na seleção terão acesso a jogos de tabuleiro, vídeo-games, internet e televisão durante os setenta dias. No entanto, a Nasa informa sobre riscos à musculatura, ossos, funções cardiovasculares e saúde mental dos participantes do projeto: "De todos os desafios encontrados no espaço, a microgravidade é um dos mais difíceis de simular na Terra", explicou a entidade em comunicado, ressaltando a importância da pesquisa.


Ao fim do estudo, o programa oferecerá duas semanas de "reabilitação" para reparar possíveis danos e o salário é de generosos US$ 5 mil mensais (cerca de R$ 11 mil). Agora eu sei porque todo mundo sonha em ser astronauta. E eu, blogueiro idiota que sou, fazendo isso de graça na aula, no trabalho e na hora de fazer amor com a patroa.